2006/06/01

O Fio Da Navalha - Somerset Maugham

Laurence Darrel é um combatente da primeira guerra mundial que viu morrer o seu melhor amigo por ele. Este choque provocou em Larry o desejo de compreender o sentido da vida e partir da vida confortável que o conformismo lhe oferecia. Desfaz o noivado com Isabel e parte por esse mundo fora. Na busca do seu objectivo começa por frequentar obsessivamente bibliotecas, vive num mosteiro, trabalha numa mina de carvão, trabalha como lavrador à jorna e chega até a viver na Índia como eremita onde atinge a "iluminação".
Os outros personagens representam os outros contrastes do mundo, desde aqueles que consideram a cultura uma posse exclusiva de uma elite estanque, em que ser culto é uma condição que se deve ao “status” e não por ter conhecimentos, considerando todos fora da sua esfera como pobres analfabetos. Até aqueles que buscam a autodestruição devido às agruras que a vida lhes ofereceu. Maugham expõem aqui toda a mesquinhez e futilidade de um “jet-set” do inicio do século XX, cujo sofrimento é banal e insignificante face a quem realmente sofre e que também por isso, caminhava a passos largos para a decadência, numa América do Norte e Europa em constante mudança e instabilidade.
Numa visão mais ampla este livro é um confronto de um mundo velho contra aquilo em que se transforma, um instável mundo novo que busca novos caminhos em diferentes direcções. Partindo desde o fim do primeiro conflito mundial e os “loucos anos vinte”, passando pela crise de 29 e chegando até aos meados da década de 30 do século XX.
O autor Somerset Maugham é um dos personagens que estabelece a ponte entre todos os outros personagens numa escrita fantástica, que nada deixa ao acaso. Brinca com todos os pormenores, mas sem fazer descrições maçadoras, conseguindo fazer com que o leitor sinta todos os ambientes descritos no livro, que acaba por se tornar numa agradável companhia.

6 comentários:

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

I like it! Keep up the good work. Thanks for sharing this wonderful site with us.
»

Anónimo disse...

Keep up the good work. thnx!
»

Livros em 2ª Mão disse...

Acabei de ler este livro hoje e vim à procura de opiniões sobre o mesmo.
Não há personagens perfeitas neste livro, tal como também não existem na vida real. Não somos pretos ou brancos, mas apenas tons acizentados.
Mas para mim, a personagem de Larry é deliciosa, avesso ao conforto material e indiferente às opiniões contrárias, na sua busca pela felicidade. Tomara que todos tivessemos essa coragem!

Alba Krishna disse...

Há algumas críticas com relação à dramaticidade de Maughan, mas eu acho que ele, na verdade, radiografa o drama que mora na alma humana. Darrel é extremamente complexo e demonstra, realmente, uma coragem poucas vezes vista. Outros livros do autor, como Servidão Humana, são maravilhosos também.