2006/07/21

O Meu e o Teu


Este fantástico livro é para se visto de olhos bem abertos (como dizia o outro) para não deixar escapar nem um bocadinho da genialidade das ilustrações de Almud Kunert que joga com o texto de Peter Geißler às mil maravilhas.
Não é um livro vulgar, não se limita à primeira vista de olhos, é para ser visto e relido várias vezes, e, ainda assim, até encontrarmos o "Meu" e o conseguirmos distinguir do "Teu" serão necessárias muitas visitas!
Também não é um livro para os mais ortodoxos (é possível que se percam no meio de tanta liberdade criativa e de interpretação). Quanto aos outros, mais novos ou mais velhos, mais literatos ou menos, mais artísticos ou azelhas, enfim, aqueles que ainda não perderam o dom de sonhar com os olhos abertos, esses sim vão, sem dúvida deliciar-se com esta busca!
"O Teu não gosta de se deixar encontrar.
O Meu posso atar."
"O Teu sabe ler livros grandes.
O Meu, antes era pequeno"
Uma belíssima edição d'O Bichinho de Conto, a não perder.
Continuem, sempre, em boa companhia!

3 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Your site is on top of my favourites - Great work I like it.
»

Anónimo disse...

Really amazing! Useful information. All the best.
»